Tendências

Tendências

diversity and inclusion | gender equality | women

The Age of Women: Why Feminism also Liberates Men

Publicado em 25/03/2019

Muitos autores argumentam que o futuro é feminino. Um deles é Alexander De Croo. Por meio de seu trabalho como Ministro das Finanças e Cooperação para o Desenvolvimento da Bélgica, ele descobriu que o papel das mulheres em todo o mundo é cheio de poucas oportunidades e preconceitos demais. No seu desabafo em palestra que pré-lançou o seu livro no festival SXSW 2019 (South by Southwest), De Croo faz um apelo apaixonado por igualdade de gênero com dados e histórias para demonstrar os benefícios de longo alcance. Vinicius Malinoski, Head de creative do The Zoo do Google, explica em detalhes o impacto da conversa:

” De Croo fez uma apresentação empolgante e com dois argumentos contundentes: um econômico e o outro humano. O argumento econômico é simples: igualdade de gênero traz mais desenvolvimento. Pesquisas mostram que 90% da renda que mulheres ganham vai para a família e para a educação dos filhos, enquanto para homens essa proporção é de apenas 60%. Ou seja, para governos, como é o caso da Bélgica, investir em mulheres simplesmente traz mais resultados. Assim como a experiência da Bélgica, diversos estudos também mostram que empresas mais diversas tem 21% mais chances de ter uma lucratividade acima da média. O argumento humano é um pouco mais complexo, mas consiste em libertar os homens de uma série de estereótipos e expectativas, como o de uma carreira sempre trabalhando e longe da família. O ponto é desfazer a ideia limitada de que o avanço das mulheres significaria um possível encolhimento do papel e da importância dos homens na sociedade.” Meio&Mensagem

 

Ver outras tendências