Tendências

Tendências

contexto | dados | emergência climática | Linguagem | mudança climatica

A Palavra do Ano: Emergência Climática

Publicado em 27/11/2019

Emergência climática.

Segundo o Dicionário Oxford, essa é a Palavra do Ano, em 2019, destacando as crescentes evidências das mudanças climáticas, os esforços que pessoas ao redor do mundo estão fazendo para reduzir suas próprias pegadas de carbono e o aumento da cobrança aos líderes mundiais para a tomada de medidas urgentes, a fim de evitar danos potencialmente irreversíveis. Em 2018, a palavra do ano foi “tóxico”; em 2017, foi “terremoto”; e, em 2016, “pós-verdade”.

Em seu anúncio oficial, o Dicionário Oxford explica que a Palavra do Ano é uma “palavra ou expressão que reflete o comportamento, o humor ou as preocupações do ano que passa e tem potencial duradouro como termo de importância cultural”. Esses dado é significativo porque indica uma mudança crescente na escolha do idioma das pessoas em 2019, uma intensificação consciente que desafia o uso aceito da linguagem para reformular a discussão sobre ‘a questão definidora do nosso tempo’ com uma nova gravidade e maior imediatismo.

Um exemplo de destaque do desenvolvimento de linguagem são as mudanças feitas pelo The Guardian em sua reportagem sobre notícias ambientais em maio. O jornal afirmou que, em vez das mudanças climáticas, seus termos preferidos são “emergência climática, crise ou avaria” para descrever o impacto mais amplo das mudanças climáticas. A medida levou outros meios de comunicação a revisar e atualizar suas próprias políticas e abordagens para reportar sobre o clima.

Ver outras tendências